×
Utilize aspas para busca exata.

Política de Cookies

Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore magna aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum. Stet clita kasd gubergren, no sea takimata sanctus est Lorem ipsum dolor sit amet. Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore magna aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum. Stet clita kasd gubergren, no sea takimata sanctus est Lorem ipsum dolor sit amet.

Lorem ipsum dolor sit amet, consetetur sadipscing elitr, sed diam nonumy eirmod tempor invidunt ut labore et dolore magna aliquyam erat, sed diam voluptua. At vero eos et accusam et justo duo dolores et ea rebum. Stet clita kasd gubergren, no sea takimata sanctus est Lorem ipsum dolor sit amet.

fechar

Política de Privacidade

fechar

Política de Uso de Dados

fechar

Notícias

Abrir Filtros

Secretário de Estado da Fazenda participa de reunião em Blumenau

Secretário de Estado da Fazenda participa de reunião em Blumenau

Com o objetivo de debater a atual situação financeira do Estado de Santa Catarina e a Reforma Tributária, a diretoria da Acib organizou uma reunião com o Secretário de Estado da Fazenda, Paulo Eli nesta quinta-feira (28). A reunião foi aberta ao público e reuniu empresários, entidades empresariais e órgãos públicos da região do Vale do Itajaí.

 

O presidente da Acib, Avelino Lombardi, iniciou o encontro falando sobre a importâcia de eventos como este para a cidade de Blumenau, bem como para os empresários da região.  Na sequência o secretário, Paulo Eli, iniciou mostrando a projeção de caixa do Estado de Santa Catarina, e afirmou que a recuperação financeira só virá em 2021. “A minha projeção é que no ano que vem, eu consiga ao menos deixar o Estado no “zero a zero”, ou seja, que as despesas consigam se autocustear”, comentou.

 

O secretário apresentou números de todos os estados brasileiros, afirmando que o país não está crescendo, visto os números apresentados. “Santa Catarina gerou, de janeiro a outubro deste ano, cerca de 85 mil novos empregos. Este aumento é em função da nossa logística, onde grandes empresas do país estão se instalando em nossa região. Além disso, Santa Catarina possui uma média de 12 mil novas empresas todos os meses, mostrando que a economia do Estado está se recuperando e as pessoas estão se mantendo ocupadas”, explicou.

 

Ainda durante sua apresentação relacionada a situação financeira de Santa Catarina, o secretário apresentou todos os gastos que o Estado possui, em todas as áreas.  Já abordando a reforma tributária, Paulo Eli explicou que o Estado ainda irá mudar bastante a questão dos incentivos, mas que Santa Catarina está no caminho certo. Após sua apresentação o público presente contribuiu com perguntas sobre os assuntos apresentados.

Compartilhe: